domingo, 10 de setembro de 2017

Há dias tão bons...

Depois de 3 semanas os três juntos 24/7, já deitávamos a companhia uns dos outros pelos olhos, pelo que o regresso ao trabalho acabou por atenuar um pouco esse "enjoo".

Esta semana a Bia teve duas festas de pijama em casa de amigas e o seu primeiro jantar com amigos com direito a passeio noturno pela marginal de Matosinhos.

Há coisas em que eu sou muito aberta e sinceramente quero muito que ela aproveite a vida nas alturas devidas. Nesta nossa maneira de estar, obviamente, pesa muito o facto de confiarmos plenamente nela, já nos deu provas de ser uma miúda muito responsável e, acima de tudo, muito pouco influenciável.

Mesmo assim, é sempre com um aperto no coração que vivemos as primeiras vezes destas situações novas, mesmo tentando não pensar nos perigos que espreitam a cada esquina. Mas eles eram muitos, o que me tranquilizou, acabou por correr tudo bem, ela divertiu-se e isso é o que importa no fim de contas.

E assim chegamos ao dia de ontem. O afastamento faz bem, desintoxica a relação e aumenta aquela saudadezinha.

Sei que ela gosta muito do tempo que passa com os amigos, mas também gosta muito do tempo que passa connosco. Ela consegue por em prática o que eu sempre lhe disse: Tens tempo para tudo, para a família, para os amigos, para o amor, para os estudos.


Assim, ao fim da tarde, enquanto o pai foi ao futebol, estivemos as duas na praia, pés descalços na areia fria, a passear pela água gelada e a conversar sobre tudo e sobre nada.

Observar o mar, o sol a descer na linha do horizonte, a insistência dos surfistas a lutar com as ondas e simplesmente sentir a aragem gélida de setembro no rosto ou a água fria nos pés, começa a ser uma das nossas atividades favoritas.

Depois disso foi voltar a casa sempre a ouvir música da boa, jantar no sofá com direito às primeiras castanhas da época e ficar enroscadinhas uma na outra a ver episódios atrás de episódios do Biggest Loser, a nossa série de eleição de momento.

Estes são aqueles momentos que na realidade não custam nada, mas que valem tudo 😊

2 comentários: