terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Num mundo perfeito...

... eu trabalharia só com homens ou com mulheres devidamente equilibradas e não descompensadas.

Isto de dividir um open space com gajas que libertam um azedume constante, não têm respeito por ninguém e não têm vida própria cansa-me solenemente!

Por muito que eu me queira afastar, elas criam uma espiral de negativismo à sua volta tão grande que se torna difícil não me deixar sugar pelo vórtice.

Tenho de voltar ao egocentrismo. Tenho de me concentrar em Me, Me, Me e desligar do ambiente.

Ninguém merece isto!!!


3 comentários:

  1. Eu tenho a sorte de trabalhar num open space com 15 homens e 2 moçoilas, e uma delas sou eu!!!!!
    O meu problema é que os meus "clientes" são só gaijas!!!! Não há paciência!!!!!
    Mas tens de fazer um esforço para criar uma barreira... diz que tens problemas de ouvidos e que tens surdez parcial... não consegues ouvir tanta estupidez junta!!!!

    Beijocas, sweet

    ResponderEliminar
  2. Compreendo-te bem, porque também já trabalhei num ambiente assim. Não é fácil... O melhor a fazer é mesmo ficar no cantinho e tentar não nos envolvermos, embora às vezes o ambiente pesado nos afecte, mesmo que não queiramos.
    Há sempre dias bons, e é concentrarmo-nos nesses!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Eu já trabalhei num ambiente de "gajedo" e eram os homens que faziam o mau ambiente. É das pessoas e não do género!

    ResponderEliminar