domingo, 14 de dezembro de 2014

Amo-te


Pensei que aos 12 anos já não ias querer os meus miminhos... pensei que já ias estar somente no teu mundo... mas ainda gostas de te encostar a mim no sofá, deitada o meu peito, muito juntinhas, embrulhadas na manta... gostas de falar comigo e partilhar os teus gostos...

Eu com a tua idade já só pensava em rapazes e música e já tinha a mania que só eu é que sabia tudo... tu ainda tens um espaço reservado para mim e eu sorvo esses momentos só nossos...

E quando do nada me abraças e me dás um beijo sentido então aí eu sei que sou a pessoa mais feliz do mudo.

Amo-te muito filha!

8 comentários:

  1. Oh que sorte!! A minha já passa muito tempo no quarto, ora diz que está a estudar ou está de volta da roupa e das coisas dela :) mas quando se senta no sofá a ver um filme comigo também sei que é toda minha!
    Um beijinho grande

    ResponderEliminar
  2. O que ela vai gostar de ler este post um dia...

    ResponderEliminar
  3. Adoro miminhos da mamã e hoje arrependo-me quando me achava demasiado crescida para eles. Não há local mais reconfortante.

    ResponderEliminar
  4. Os filhos crescem mas querem sempre colinho! =))

    Um beijinho e boa semana.

    http://agatadesaltosaltos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Lá no fundo somos sempre das nossas mães. :-)

    ResponderEliminar
  6. A nossa filha Ama-te Muito
    E eu amo-vos muito também

    ResponderEliminar
  7. Com essa idade tambem era afastada da minha mãe, e já namoriscava. A Lúcia foi parecida comigo, já a Joana é uma lapa, quer colo, mimos, beijinhos, e eu gosto tanto...

    ResponderEliminar