sexta-feira, 18 de julho de 2014

Mais uma semana... mais uma voltinha...

Pois parece que agora só cá escrevo uma vez por semana, apesar de vos visitar todos os dias. Ando a arrastar-me até no blog...

A semana passou a correr e já só faltam 3 semaninhas para o paraíso. Estou mesmo em contagem decrescente, nunca na vida me senti tão cansada e desesperada por férias como este ano.



Amanhã vamos a um casamento que inclui o batizado das duas meninas do casal. Os "noivos" já são casados pelo civil há uns 5 anos, e vão casar porque simplesmente o Senhor Padre se recusou a batizar as meninas por os pais não serem casados pela igreja. 

Eu acho que uma coisa não tem nada a ver com a outra e não é desta maneira, com certeza, que os padres vão chamar mais gente às igrejas, mas enfim.

Outra coisa peculiar neste casamento é que a boda vai ser "cada-um-paga-o-seu", ou seja, os noivos não querem presentes, mas pedem para os convidados pagarem a sua parte nos comes...

Ou eu sou muito old-school ou isto parece-me muito à frente. Será que esta prática é normal hoje em dia?! É que eu nunca tinha ouvido falar desta modalidade...

O domingo vai ser de ressaca, estou mesmo a ver... não de álcool que eu não bebo nem o champanhe do brinde, mas de bolos e doces :)

3 comentários:

  1. Não sei é prática normal ou não, mas a ideia até me parece boa, principalmente se tivermos em conta a situação em si - um casal já casado pelo civil, com filhos e contas para pagar... A despesa de uma festa de casamento não devia dar lá muito jeito e assim resolve-se o assunto de forma mais simples :)

    Quanto à ressaca de bolos e doces, um dia não são dias... Aproveita!!!

    Beijinho :)
    http://coisasquefaco2014.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  2. Ohh que se anda a passar?? Queremos ver-te animada! :D Aproveita o casamento e olha, já que pagas tu, ao menos aproveita :D Beijinho grande e bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  3. Hello.
    Aqui nesta zona, a prenda de casamento é sempre dinheiro. O que acaba por ser = cada um paga o seu e ainda dá uma gorjeta para ajudar os noivos :)

    Relativamente aos batizados: desde que os padrinhos não vivam "em pecado", os padres baptizam. Ou seja, eu já sou madrinha de três (porque ainda vivia em casa dos meus pais), mas se alguém me convidasse agora, teria de recusar, porque vivo com o homem há 5 anos.
    Aos olhos da Igreja (não de Deus!!! porque com ele eu entendo-me muito bem), já não sou virtuosa!

    Diverte-te!!!!

    Beijinhos

    ResponderEliminar